A Precificação de Catástrofes de Property permanece em “Check”: Onde está o “Hard Market”?

Flood Missouri

Nossa recente Willis Insurance-Linked Securities (ILS) Update relatou o aumento das taxas de catástrofes depropriedade, mas nada parecido com o retorno de um hard market que muitos estavam prevendo. Por quê?

A Situação

Os modestos aumentos parecem surpreendentes considerando a confluência de eventos. Tivemos terremotos no Chile, Nova Zelândia e Japão, inundações na Austrália e Tailândia, assim como tornados no Missouri, Alabama e outros lugares. O retorno dos investimentos de resseguradores continua deprimido. Finalmente, as mudanças nos modelos elevaram substancialmente a percepção dos riscos de furacão nos USA e tempestades de vento na Europa.

As Principais Explicações

Apesar de alguns segmentos de mercado terem experimentado um endurecimento de precificação – retrotaxas em contas afetadas por perdas tiveram movimentação substancial – ainda é apropriado perguntar por que parece que, até agora, estamos evitando um hard market mais amplo. Uma possibilidade é que a atividade de perdas espalhou-se extensivamente entre os participantes do mercado. Outra, é que os resseguradores estavam fartamente capitalizados na entrada de 2010-2012, e assim permanecem, a despeito de perdas e retornos reduzidos sobre ativos. Outra ainda é que, diferentemente de 2006, as rating agencies adotaram um método contido ao invés de computar os outros fatores.

Willis Insurance-Linked Securities Market Update Q4 2011

Leia o Insurance-Linked Securities Market Update Q4 2011 da Willis (English)

A Alternativa dos Mercados de Capital

Estas e outras explicações podem ser verdadeiras; todavia, uma possibilidade intrigante é que os mercados de capital também ajudaram a retardar o retorno a um hard market. Uma das intenções por trás das securitizações iniciais de seguros na metade dos anos 90 era diversificar para além das fontes tradicionais de capacidade. Ao mesmo tempo, alguns esperavam que isto diminuísse a frequência e severidade do próprio ciclo de re/seguro. A ideia era que a capacidade adicional garantiria uma inoculação parcial contra hard markets.

Talvez seja isto que estamos vendo agora. Tem havido disponibilidade de capital para suportar cat bonds, derivativos de seguro, e resseguro garantido. Sem dúvida, os preços aumentaram, mas ainda estão bem dentro da faixa de um mercado saudável. Novos veículos de investimento associados a seguros estão sendo implantados e há substancial sidecar money potencialmente disponível se o ciclo mudar para pior.

Implicações

A maturação, aprofundamento e diversificação da participação de property cat nos mercados de capital, de 2005 até hoje, talvez explique parcialmente a demora em retornar a um hard market verdadeiro em 2011-2012, em contraste com o rápido aparecimento de um hard market após o furacão Katrina. Se esse for ocaso, isto é bom para os detentores de apólices, pois pode significar que o mercado pode agora absorver melhor alguns choques substanciais ao sistema sem o imediato e severo deslocamento que veríamos no passado. Também sugere que os re/seguradores fora do espaço de cat property deveriam considerar o impacto potencial da participação do mercado de capital em resseguros, na mudança da dinâmica dos ciclos de seus setores. O desenvolvimento da capacidade dos mercados de capital além do nat cat e outros segmentos onde atualmente existe poderia também inocular parcialmente outros segmentos contra hard markets. Por fim, valida o trabalho empreendido anteriormente para desenvolver fontes alternativas de capacidade que provêm dos mercados de capital, e reforça sua importância na obtenção de dinâmicas de ciclo similares no futuro.


Este post foi postado em inglês no dia 23 Fevereiro 2012


Willis Capital Markets & Advisory (WCMA) é o nome de mercado usado pela Willis Securities, Inc. (WSI), uma corretora licenciada registrada na U.S. Securities and Exchange Commission e membro da FINRA e da SIPC, e pela Willis Capital Markets & Advisory Limited (WCMAL), um business de investimento autorizado e regulado pela UK Financial Services Authority. Tanto a WSI e WCMAL são empresas do Willis Group (Willis). Produtos de securities são oferecidos nos U.S.A através da WSI e no U.K. através da WCMAL. Os leitores não devem contar com qualquer declaração proativa, marcada por palavras como “deve,” “pode,” “esperar” e “acreditar” aqui contida. WCMA não está dando nenhum conselho sobre impostos, ou assuntos legais ou de contabilidade, e o leitor deve procurar aconselhamento de seus próprios consultores nesses assuntos. Nada neste comunicado constitui qualquer conselho legal ou financeiro, ou uma oferta ou solicitação de compra e venda de quaisquer securities. As informações contidas neste comunicado baseiam-se em fontes tidas como confiáveis, mas não se está advogando se tais informações são precisas ou completas. A menos que indicado em contrário, as informações contidas neste comunicado refere-se, apenas, à sua data e está sujeita a mudanças.

About Bill Dubinsky

Bill Dubinsky is Managing Director for Willis Capital Markets & Advisory, where he heads the WCMA insurance-lin…
Categories: Mercado de Capitais, Português

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *